Cuiabano na avenida

Povo Cigano foi homenageado pela escola de samba Pérola Negra, de São Paulo

(Foto: Arquivo Pessoal/ Marcos Gattas)

O cuiabano Marcos Gattas, 30 anos, marcou presença no Sambódromo de São Paulo, nesse sábado (22).

Ele participou do desfile da escola de samba Pérola Negra, da Vila Madalena (SP), que homenageou o povo cigano.

Mestiço da cultura Calon, o cuiabano é coordenador do Instituto Cigano do Brasil no Estado de Mato Grosso.

Gattas representou mais de 500 famílias ciganas espalhadas por Mato Grosso. No desfile, também participaram ciganos de todo o país.

A Pérola Negra abriu os desfiles do grupo especial de São Paulo, e no samba enredo homenageou Santa Sarah – que é padroeira dos ciganos – e contou a história da chegada dessa etnia no Brasil.

“Para mim foi uma honra e muito gratificante ter participado desse desfile. A escola de samba teve a preocupação de respeitar a cultura e mostrar um outro lado”, relata Gattas.

Ele explica que o povo cigano é tratado com preconceito e estigmatizado com uma imagem negativa. “Esse desfile foi oportunidade para mostrar quem realmente somos”, pontua.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

1 COMENTÁRIO

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorOperação Lei Seca: 2 motoristas são presos por embriaguez ao volante em Cuiabá
Próximo artigoCrise financeira impulsiona grupo de produtores rurais a pedir recuperação judicial

O LIVRE ADS