Cuiabá recebe evento internacional de jiu-jitsu no domingo

Lutadores estão em busca de pontuação para o ranking mundial da Abu Dhabi Jiu-Jitsu Pro (AJP)

Foto: Michelli Duarte

Pela primeira vez na história, Cuiabá vai receber o Campeonato Abu Dhabi Internacional Jiu-Jitsu Pro. O evento de porte mundial será realizado no domingo (25.08), a partir das 8h, no Ginásio Aecim Tocantins.

O público mato-grossense poderá acompanhar lutadores de Jiu Jitsu do Estado e de várias regiões do país que estão em busca de pontuação para o ranking mundial da Abu Dhabi Jiu-Jitsu Pro (AJP), federação internacional que organiza competições nos seis continentes.

No Brasil, a competição internacional já passou por Gramado (RS), Goiânia (GO), Salvador (BA) e Manaus (AM). Depois de Cuiabá, está programada para Brasília (DF) (15.09) e Rio de Janeiro (RJ) (01 a 03.11), onde ocorre o Grand Slam World Tour 2019-2020, principal evento de Jiu Jitsu do país e da América Latina.

Os campeões da Abu Dhabi International Pro Jiu Jitsu Championship, realizada em Cuiabá, ganharão passagem e inscrição para a competição no Rio de Janeiro.

A Federação de Jiu-Jitsu Esportivo de Mato Grosso é responsável pela organização local do evento, que contará com mais de 600 atletas em disputas baseadas em peso, gênero, categoria de idade e graduação de faixa (roxa, preta, marrom, branca e azul).

O secretário adjunto de Cultura, Esporte e Lazer (Secel), Jefferson Neves, falou sobre a importância de receber um evento internacional em dos equipamentos do Complexo Arena Pantanal.

“Para a Secel é uma honra apoiar a vinda de um evento como esse para Cuiabá. Acreditamos que a competição contribui e traz inspiração para o fortalecimento do esporte no Estado. Também, por isso, apoiamos o Jiu-Jitsu mato-grossense, seja liberando a estrutura do ginásio para as competições, ou outras ajudas possíveis”, disse.

(Com assessoria)

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorMaia defende uso de fundo da Petrobras para combater queimadas
Próximo artigoMãe deixa filha com avô e menina é devolvida com esperma no bumbum

O LIVRE ADS