Cuiabá ainda tem quatro feriados prolongados a três meses para o fim do ano

No total, cuiabanos terão até seis dias a mais de descanso; programe-se

(Foto: Divulgação/Pixabay)

Para os cuiabanos que quiserem programar um descanso ou uma viagem antes das festividades de final de ano, a notícia é boa. Mesmo já entrando no último trimestre de 2018, ainda teremos quatro feriados prolongados em Cuiabá, que caem em dias de semana. Eles também acompanham dois pontos facultativos.

Uma boa data para uma viagem curta, por exemplo, é o feriado da Proclamação da República, em 15 de novembro. Isso porque, além do feriado, que cai na quinta-feira, o Governo do Estado decretou ponto facultativo para sexta-feira (16) e segunda-feira (19), que antecede o feriado de dia da Consciência Negra (20 de novembro). Dessa forma, quem conseguir emendar as pausas poderá somar seis dias livres.

Confira abaixo a lista dos próximos feriados em Cuiabá e aproveite para se programar:

  • 12 de outubro (sexta-feira) –  Dia de Nossa Senhora Aparecida (feriado nacional);
  • 28 de outubro (domingo) – Dia do Servidor Público (ponto facultativo no estado);
  • 2 de novembro (sexta-feira) – Dia de Finados (feriado nacional);
  • 15 de novembro (quinta-feira) – Dia da Proclamação da República (feriado nacional);
  • 16 de novembro (sexta-feira) – Ponto facultativo;
  • 19 de Novembro (Segunda- feira) – Ponto facultativo;
  • 20 de novembro (terça-feira) –  Dia da Consciência Negra (feriado estadual)
  • 8 de dezembro (sábado) – Dia de Nossa Senhora da Conceição (feriado municipal);
  • 24 de dezembro (segunda-feira) – Ponto facultativo;
  • 25 de dezembro (terça-feira) – Natal (feriado nacional);
  • 31 de dezembro (segunda-feira) – Ponto facultativo.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anterior“Ter chegado até aqui é uma vitória gigante”, agradeceu Laís Yasmin
Próximo artigoWellington diz que vai retomar Lei de Incentivo à Cultura e reabrir museus