Criança liga para a polícia e diz ter medo de ser agredida pelo padrasto

Frequentemente agredida, ela o ouviu dizer que iria "arrebentá-la" e, com medo, ligou para a polícia

Imagem ilustrativa

Uma criança de apenas nove anos ligou para a polícia nessa quinta-feira (2), em desespero, por estar com medo de ser agredida pelo padrasto, de 22 anos.

A polícia foi à casa da menina, no Bairro Parque Atalaia, em Cuiabá, e a encontrou na residência da vizinha. Segundo os policiais que atenderam a ocorrência, a criança estava apreensiva e aparentava ter acabado de chorar.

Ela contou aos militares que seu padrasto havia ido à casa da vizinha buscá-la, mas que ela disse que não iria embora, pois estava com medo de ser agredida por ele.

O medo era porque na quarta-feira (1º) ele havia agredido a enteada e a violência dele contra ela era frequente. Por ela ter se recusado a ir embora, ele ameaçou a menina dizendo: “Se você não sossegar eu vou te arrebentar”, o que a deixou com ainda mais medo.

O suspeito, que usa tornozeleira eletrônica, foi preso e a mãe da criança foi chamada e a acompanhou até a Central de Flagrantes de Cuiabá, onde o caso foi registrado como lesão corporal e ameaça.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorBolsonaro sanciona lei que torna obrigatório o uso de máscara
Próximo artigoLavagem de dinheiro

O LIVRE ADS