Criador de Black Mirror é “vencido” pela realidade e não haverá uma nova temporada

Em tempos de pandemia global, o roteirista disse acreditar que o público não tem mais “estômago” para a série

(Foto: Reprodução/Internet)

Depois de a realidade da política brasileira superar a ficção de House of Cards, chegou a vez de os acontecimentos reais mundiais “sepultarem” mais uma série de sucesso estrondoso na Netflix.

Em entrevista ao site inglês Radio Times, o roteirista e criador da sensacional Black Mirror, Charlie Brooker, disse que não sabe se o público “teria estômago” para mais uma história sobre sociedades desmoronando.

Brooker revelou que ele próprio tem evitado o tema e que, agora, tem se dedicado ao humor. “Tenho escrito roteiros para me fazer rir”, ele disse.

Black Mirror é uma série “diferentona” não só porque retrata um futuro distópico, em que – geralmente – o uso da tecnologia acaba despertando o pior do ser humano.

A série não segue uma história única. Cada episódio pode ser assistido separadamente e a ordem em que você vai assisti-los não faz muita diferença.

Além disso, as temporadas são bem curtas, com no máximo cinco episódios. A sexta e – pelo que Brooker disse, última – delas tem três capítulos.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anterior(SUS)tentação
Próximo artigoGaeco cumpre mandado em Cuiabá em operação contra suposta fraude na compra de respiradores