Cotação do milho apresenta crescimento de 8,26% na primeira quinzena deste mês

A alta dos preços nessa temporada de entrada de safra é considerada atípica

As cotações do milho na bolsa B3 já apresentam 8,26% de valorização na primeira quinzena de agosto, fechando o período com uma média de R$ 41,53 por saca.

A alta dos preços nessa temporada de entrada de safra é considerada atípica, mas vem sendo sustentada diante da demanda das agroindústrias e do setor pecuário, enquanto que os produtores do cereal vêm segurando novas negociações devido às incertezas quanto ao frete rodoviário.

As preocupações quanto à oferta do cereal em grande parte dos estados produtores também têm limitado novas vendas. Apesar da colheita estar no fim, em Mato Grosso os preços também estão sendo influenciados pela demanda do mercado interno e já acumulam um ganho de 7,40% e preço médio de R$ 21,17 por saca.

Apesar da valorização, o diferencial de base MT-B3 demanda atenção, visto que vem se ampliando com o aumento do custo com o frete de transporte no Estado.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorLivro com poesias de alunos do Nilo Póvoas será lançado pelo projeto Poesia Necessária
Próximo artigoEscolas de Pacaraima têm superlotação com entrada de venezuelanos