Corpo do apresentador Gugu é enterrado em São Paulo

Um corneteiro tocou a marcha fúnebre e depois a canção religiosa Segura na mão de Deus acompanhado coro dos presentes

Sob aplausos e com muitas homenagens de parentes, amigos e admiradores, o corpo do apresentador de TV Gugu Liberato foi sepultado nesta sexta-feira (29) no Cemitério Gethsêmani, na zona sul de São Paulo.

A todo momento, ouviam-se frases como “Gugu, eu te amo”, “Ei, Gugu, já disse que te amo hoje?”, “Força, João”, para o filho mais velho de Gugu, e “Força, Maria”, para a mãe do apresentador, Maria do Céu, de 90 anos. Ela chegou ao jazigo da família em uma cadeira de rodas e foi recebida com aplausos pelos presentes.

Os parentes do apresentador ficaram em uma área reservada ao lado do jazigo da família e os admiradores acompanharam o enterro em uma área próxima.  A todo momento, chegavam coroas de flores.

Um corneteiro tocou a marcha fúnebre e depois a canção religiosa Segura na mão de Deus, acompanhando o coro formado pelas pessoas que assistiam ao sepultamento e emocionou o público.

Admiradores

Alfredo Ribeiro Velho, um dos muitos taxistas que participaram do cortejo, falou emocionado sobre o apresentador: “Gugu foi um ícone da TV brasileira. Ele só plantou o bem, nunca quis ser maior que ninguém. Hoje a gente prestou homenagem a ele. Trouxemos gratuitamente cerca de 1.200 fãs do Gugu, que estavam no velório na Alesp [Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo]. Foi a nossa maior contribuição para honrar a memória do Gugu”, afirmou o taxista.

A diarista Ivanilda Dalva da Silva disse que sempre assistia aos programas do Gugu e que, por isso, foi homenageá-lo. “Na minha adolescência, eu amava ele e ainda amo. E ele fez tanto bem que vai deixar saudades. Mas eu quero lembrar dele como aquela pessoa sempre alegre e carinhosa com todo o público.”

Já o pedreiro Alcides José de Souza Curtis trouxe um quadro pintado com a frase “Gugu você conquistou o universo”. Curtis disse que foi ao enterro porque era um fã dos programas do apresentador. “Eu via todos os programas e admirava ele, por isso trouxe esse quadro.”

Segundo estimativas da segurança do Cemitério Gethsêmani, cerca de 3 mil pessoas participaram do sepultamento.

Morte

Um dos profissionais mais populares da televisão brasileira, o apresentador Antonio Augusto Liberato morreu na semana passada em Orlando, nos Estados Unidos, após um acidente doméstico, aos 60 anos.

O corpo do apresentador chegou ao Brasil nesta quinta-feira (28) e foi velado na Alesp.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorProjeto Quelônios do Guaporé recebe prêmio em São Paulo
Próximo artigoFundação Pró-Sementes realiza treinamento voltado para produção de sementes