Coronavírus: Justiça de Mato Grosso amplia quarentena até 30 de abril

Inicialmente, quarentena de um mês tinha sido decretada até 20 deste mês

(Foto:Ednilson Aguiar/ O Livre)

O Poder Judiciário em Mato Grosso vai atuar em teletrabalho até 30 deste mês. A determinação foi publicada em novo decreto conjunto assinado pelo presidente do Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT), desembargador Carlos Alberto da Roca em conjunto com corregedor-geral de Justiça, Luiz Ferreira da Silva, na noite desta terça-feira (7).

No primeiro decreto assinado em 18 de março, a modalidade home office tinha sido determinada até 20 de abril como medida de prevenção à pandemia do coronavírus. A regra passou a valer em 20 de março.

Os magistrados – da 1ª e 2ª instâncias – estão realizando audiências e sessões por meio de vídeoconferência, e deverão continuar dessa forma até o fim da quarentena ou até que nova decisão seja tomada.

A suspensão dos prazos dos processos judiciais também foi prorrogada até 30 de abril. Assim como as atividades do Poder Judiciário, os prazos tinham sido suspensos até o dia 20 deste mês.

O novo decreto passa a valer a partir desta quarta-feira (8).

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorEm VG, comércio volta a abrir as portas, mas só pode atender com 50% da capacidade
Próximo artigoAção conjunta da Sinop Energia doa álcool em gel para famílias Beneficiárias do Bolsa Família em Sinop

O LIVRE ADS