Coronavírus: aglomerações estão proibidas em Várzea Grande e polícia pode ser acionada

Eventos já autorizados terão alvarás cancelados e o público será ressarcido

(Foto: Freepik)

Em Várzea Grande, na região metropolitana de Cuiabá, as medidas de prevenção contra o coronavírus foram ampliadas. Na quinta-feira (19), a prefeitura informou que vai proibir aglomerações, sob pena de uso das forças policiais.

Os eventos já autorizados terão alvarás cancelados e o público será ressarcido.

A prefeitura também suspendeu férias e licenças-prêmio de servidores da saúde. Todos eles foram convocados para o trabalho, independente da idade.

“O objetivo é que esses médicos e demais profissionais da área da saúde fiquem à disposição da sociedade. O momento é de prevenção para evitar qualquer disseminação”, afirma o secretário de Governo Kalil Baracat.

LEIA TAMBÉM

No município, escolas da rede municipal e centros de educação infantil permanecerão fechados até o dia 5 de abril.

Para os idosos, as atividades em centro de convivência também foram suspensas por 30 dias.

“As medidas podem parecer duras e restritivas, mas se fazem necessárias. O desenvolvimento do contágio no resto do mundo ocorreu de forma muito rápida”, reafirmou Baracat.

Até a quinta-feira (19), o estado monitorava 59 casos suspeitos da doença; um deles em Várzea Grande.

(Com Assessoria)

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

1 COMENTÁRIO

  1. E quanto aos demais grupos de risco (diabéticos, cardíacos e pessoas com problemas respiratório) que trabalham como servidores para o município de Várzea Grande? Eles serão liberados?

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorAstro coreano de k-pop morre aos 32 anos após contrair coronavírus
Próximo artigoHora de escolher um lado

O LIVRE ADS