Control C Control V

Divulgado nesta terça-feira (4), o edital do concurso público da Secretaria de Estado de Educação (Seduc) cobrava dos candidatos conhecimentos a respeito da história do Espírito Santo, como por exemplo, informações sobre o contexto do estado no Império Ultramarino. Em nota, a Seduc classificou o episódio como sendo um “equívoco” da equipe responsável pela elaboração do conteúdo programático, pois a orientação é de que sejam exigidos saberes relacionados à região mato-grossense. A secretaria informou também que em breve irá publicar uma errata no Diário Oficial do Estado e enfatizou, ainda, que a alteração não afetará o andamento normal do concurso – que será executado pelo Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação (IBFC). A Seduc reservou R$ 5,9 milhões de seu orçamento para a realização do certame.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorBlairo e Bezerra
Próximo artigoJúlio Campos diz que apenas situação tem nomes fortes para o governo em 2018