Consumo de produtos natalinos teve queda de 7% em 2016

Agência Estado

mercado varejo

Os supermercados registraram uma piora nas vendas no Natal na comparação com o ano anterior

As vendas de Natal em patamar aquém do esperado fizeram com que os supermercados tivessem sobra de produtos nas prateleiras no final de 2016, conforme verificou pesquisa da NeoGrid/Nielsen, que reúne informações de mais de 10 mil lojas. O índice de ruptura, que identifica quando um produto fica em falta, atingiu o menor patamar do ano em dezembro.

Após quatro meses de altas consecutivas, a ruptura, índice que mede a falta de produtos nos supermercados, caiu. Em dezembro, o indicador registrou queda de 1,28 ponto porcentual em relação ao mês anterior e fechou em 9,36%.

Os supermercados registraram uma piora nas vendas no Natal na comparação com o ano anterior. Segundo o levantamento, houve queda de 7% na quantidade de produtos vendidos, inclusive em itens típicos, como panetone, champagne e o tradicional peru.

Na categoria de alimentos, a ruptura ainda ficou acima da média em dezembro, em 10,07%. Foi nos alimentos, porém, que houve a maior redução de ruptura na comparação com novembro: o indicador caiu 1,6 ponto porcentual de um mês pra outro.

(Com Agência Estado)

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorRodrigo Maia é eleito presidente da Câmara
Próximo artigoCorinthians define lista com 26 inscritos para Paulistão