Consumo de carne cai 14% e atinge menor nível dos últimos 25 anos

Queda foi registrada ao longo da pandemia, período no qual preço do produto subiu cinco vezes mais que a inflação

Imagem ilustrativa (Foto: Suellen Pessetto/ O Livre)

Desde o início da pandemia, em 2019, os brasileiros passaram a consumir uma média de 26,4 quilos a menos de carne bovina, o equivalente a uma queda de 14%.

É o menor nível de consumo desse tipo de produto dos últimos 25 anos.

Só em 2021, a redução já foi de 4% em relação ao ano passado. Os dados são da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) e foram publicados no site SA Varejo.

Cinco vezes mais que a inflação

A perda de renda das famílias é o principal fator apontado. Mas ele se soma ao fato de o preço da carne ter subido neste período. Conforme o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE), nos últimos 12 meses o preço da carne subiu 35% no país.

O percentual representa cinco vezes a inflação para o mesmo período.

Na última semana, o podcast da revista Exame apresentou um cenário que pode explicar a alta nos preços.

Segundo a publicação, o principal concorrente brasileiro no mercado internacional é a Austrália, que ainda não teria conseguido recuperar seus rebanhos desde as queimadas de 2019.

Além disso, a desvalorização do real contribui. Ao mesmo tempo em que fica mais barato para outros países comprarem carne brasileira, fica mais caro para os produtores daqui comprarem insumos, já que o preço das commodities que vão para exportação aumentaram.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorOs laços da adoção
Próximo artigoMT investirá R$ 73 milhões no combate aos incêndios florestais