Conservadores desconfiados

Antônio Galvan diz que senador Wellington Fagundes não conseguirá voto de eleitores que apoiam Bolsonaro em Mato Grosso

Presidente da Aprosoja, Antonio Galvan, defende importância da pesquisa. (Foto: Ednilson Aguiar/O Livre)

O presidente da Aprosoja Brasil e pré-candidato ao Senado, Antônio Galvan (PTB), disse que o pré-candidato à reeleição, senador Wellington Fagundes (PL), não conseguirá convencer o eleitorado conservador de Mato Grosso a dar-lhe votos. 

Segundo ele, o histórico de Wellington Fagundes de apoio aos governos de Fernando Henrique Cardoso (PSDB), Lula e Dilma Rousseff, ambos do PT, contesta a postura que tenta assumir agora como candidato do presidente Jair Bolsonaro (PL). 

“Como militante de direita e apoiador de Bolsonaro posso assegurar que o eleitor bolsonarista não acredita nessa repentina lealdade de Wellington ao presidente. O fato é que ninguém acredita que Wellington é Bolsonaro. Ele sempre esteve ao lado da esquerda”, afirmou. 

Galvan é um dos apoiadores Bolsonaro que ficou frustrado com a declaração do presidente de apoio a Wellington Fagundes. O empresário se filiou ao PTB há pouco mais de um mês com esperança de articular apoio e voto de simpatizantes de Bolsonaro em Mato Grosso. 

O produtor rural Reinaldo Morais é outro pró-Bolsonaro que não vê na escolha uma boa opção. A lista ainda tem os deputados federais José Medeiros (PL) e Neri Geller (PP).  

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorDenúncias de maus-tratos contra animais são alvo de operação em Cuiabá e VG
Próximo artigoEvasão escolar: Unicef realiza seminário em Cuiabá para “treinar” gestores públicos