Concessionária amplia capacidade de distribuição de água do Sistema Central

Medida operacional é preventiva e usa alta tecnologia para garantir abastecimento contínuo durante a estiagem; ação requer parada da ETA Central nesta 4ª feira

O percurso das águas, complexa malha de tubulações interligadas que permitem o abastecimento aos lares e comércios da cidade, frequentemente passa por ações que garantem a efetividade do fornecimento. A Águas Cuiabá, empresa do Grupo Iguá, realiza nesta quarta-feira (19), medida operacional nas adutoras – tubulações de grande porte – do Sistema Central. O trabalho consiste em uma “varredura” nas redes e faz uso, para tanto, de equipamentos mecânicos, monitorados remotamente por dispositivos eletrônicos. A ação compõe o rol de estratégias estabelecidas pela empresa para garantir o abastecimento com regularidade, durante a estiagem.

As atividades serão realizadas das 06h às 22h e impactarão o fornecimento de água a alguns bairros da capital (confira lista abaixo). O abastecimento será plenamente restabelecido ao longo da quinta-feira (20), quando as redes serão, progressivamente, pressurizadas. A previsão é que o serviço esteja normalizado até às 22h. Equipes da concessionária estão prontas a atender clientes que venham a necessitar de abastecimento por meio de caminhão-pipa.

“Temos trabalhado para garantir que o fornecimento de água tratada não sofra impactos severos durante a estiagem. A reestruturação da ETA Lipa e ETA Tijucal foram passos importantes neste sentido e o foco, agora, é potencializar a capacidade operacional das estruturas mais antigas, como o Sistema Central de Abastecimento”, explica o diretor geral da Águas Cuiabá William Figueiredo, acrescentando que as iniciativas preventivas, além de serem importantes para a continuidade no abastecimento, ajudam a conservar as estruturas de saneamento e contribuem com a eficiência operacional.

Esgoto – Os avanços em saneamento básico vivenciados pela comunidade cuiabana abrangem, além dos sistemas de água, a prestação dos serviços de esgotamento sanitário. Esta semana, também a partir da quarta-feira (19), trechos da Avenida Dom Bosco situados nas proximidades da Av. 8 de Abril receberão redes coletoras de esgoto. Integram a área de abrangência da obra a Rua Sírio Libanesa e as avenidas Filinto Müller e Estevão de Mendonça.

Para que seja possível a instalação das tubulações será necessária a interdição da via. As obras ocorrerão das 7h às 19h e vão contar, nos pontos de maior tráfego, com a presença de agentes de trânsito. Todo o trabalho é feito mediante autorização da Semob. “Caso necessário, poderemos realizar a construção das redes no período noturno. É importante que pedestres e motoristas fiquem atentos ao passar pelos locais onde nossas equipes estarão trabalhando”, observa Figueiredo.

Atendimento – A Águas Cuiabá lembra que seus canais de atendimento permanecem à disposição da comunidade. Para ligações é o 0800- 646 6115 e pelo WhatsApp é o (17) 996 41 32 59.

Confira os bairros impactados pelas ações na ETA Central :

Barra do Pary; Residencial Canachuê; Cidade Alta; Cidade Verde; Coesa; Goiabeiras; Jardim Araçá; Jardim Cuiabá; Jardim Independência; Jardim Mariana; Jardim Primavera; Jardim Santa Amália; Popular; Residencial Carvalho; Ribeirão da Ponte; Santa Angelita; Santa Isabel; Santa Rosa; Verdão; Vila Militar; Vilage Famboyant; Bosque; Centro Norte e Duque de Caxias I e II.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorNão é interesse do Brasil denunciar a Convenção 169 da OIT
Próximo artigoMais de 2 mil empregos são gerados pela agricultura familiar em Primavera do Leste