Como a pandemia fez crescer a quantidade de crianças míopes no mundo?

Sim, tem relação com o maior tempo exposto às telas de celulares e computadores, mas não é exatamente como você está pensando

(Foto: Kenaz Nepomuceno / Pexels)

Menos luz do sol e mais luz de telas. Mas, principalmente, menos luz do sol. O confinamento necessário por conta da pandemia da covid-19 pode ter aumentado em 40% a miopia entre crianças e adolescentes.

A constatação está em um estudo publicado recentemente pela revista The Lancet. Carolina Picotti, médica e uma das envolvidas, falou sobre o assunto ao El País.

Segundo ela, a explicação é simples: a luz do sol estimula a liberação de dopamina na retina. Essa substância é a que impede o globo ocular de se tornar longo demais, o formato que causa a miopia.

Não há substitutos para a luz do sol e, como todos – principalmente as crianças, que deixaram de ir à escola – passaram muito mais tempo dentro de casa no último ano, não é de se estranhar que estejam apresentando mais dificuldade para enxergar.

Ainda de acordo com a reportagem do El País, a estimativa da Organização Mundial da Saúde (OMS) é que, até 2050, metade da população mundial seja míope.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorPolícia busca traficantes em seis cidades de MT
Próximo artigoCasos de homicídios dolosos, feminicídios, roubos e furtos caem em 2021 em MT