Comercialização da safra 17/18 do algodão mato-grossense entra na reta final

Segundo o Imea 90,2% do total de pluma produzida, já foram negociadas

O primeiro relatório publicado neste ano pelo Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea), aponta que a comercialização da pluma do algodão mato-grossense da safra 17/18, já alcançou 90,21% do total da produção estimada para o período. O alcance é justificado pelo avanço nas negociações, que nas últimas semanas chegaram a 3,65 pontos percentuais.

Próximo ao fim da comercialização da safra, o preço médio negociado recuou 2,14%, finalizando o mês de dezembro com média de R$ 100,69, por arroba. “A principal justificativa [para o cenário, foi] a baixa procura por parte dos compradores neste período de recesso”, informa o boletim.

Já para a safra 18/19, a comercialização de pluma de algodão do Estado avançou apenas 1,31 pontos percentuais, o que resultou na comercialização de 66,57% da produção prevista.

Apesar dos poucos lotes negociados, a safra 18/19 se mantem à frente em 3,18 pontos percentuais, se comparado ao mesmo período da safra 17/18, o que segundo o Imea, reflete os bons volumes já vendidos nos meses anteriores.

Os bons desempenhos nas negociações são ainda melhores quando comparadas à média dos últimos cinco anos e o produtor aguarda ainda nesta reta final uma definição melhor da safra e preços mais valorizados.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorDa Mesa para o TCE
Próximo artigoAdolescentes pulam muro para “ver mulheres peladas” e um acaba detido