Combatendo ansiedade à mesa? Listamos 4 alimentos que podem te ajudar

Um deles é bastante eficiente e você, provavelmente, já comeu nos momentos de tensão. Mas será que comeu certo?

O Brasil já é o país com o maior número de indivíduos que sofrem de ansiedade. As informações da Organização Mundial de Saúde (OMS). E dentre os inúmeros motivos para esse quadro, a má nutrição se destaca.

Como a ansiedade é uma resposta natural ao perigo iminente e envolve diferentes hormônios e neurotransmissores, os níveis de tensão e estresse aumentam quando alimentos ultraprocessados, ricos em açúcares, carboidratos e conservantes são consumidos em excesso.

Mas assim como há alimentos que prejudicam esse quadro, há os que podem ajudar a controlá-lo. A Bio Mundo fez uma lista de cinco deles, que o LIVRE reproduz aqui.

1. Aveia e grãos integrais

Podendo ser incluída logo no café da manhã, a aveia oferece vitaminas do complexo B e ácido fólico, importantes reguladores do sistema nervoso.

Já os grãos, presentes em alimentos como pão, arroz e massas integrais, possuem ômega-3, selênio e triptofano, que melhoram as funções cerebrais e os quadros de depressão.

E, de quebra, ambos estimulam a saciedade, o que é ideal para quem é ansioso e acaba descontando na comida.

2. Chocolate

Essa parece bem óbvia. Mas o fato é que o chocolate – e aqui estamos falando dos amargos, com 70% cacau – é capaz de reduzir a neuroinflamação e melhorar o fluxo sanguíneo.

Por ser rico em flavonoides, antioxidantes e triptofano, um aminoácido presente na produção de serotonina, o chocolate proporciona ao organismo enorme sensação de prazer, felicidade e euforia.

É, você já sabia!

3. Chás

Chás, como o de camomila e o verde, são saborosas alternativas naturais para aliviar o estresse. Com propriedades anti-inflamatórias, antioxidantes e calmantes, eles são ricos em flavonoides e aminoácidos, que estabilizam o humor e relaxam os músculos.

No fim das contas, contribuem para um sono de mais qualidade e ainda te ajudam a manter o corpo hidratado ao longo do dia.

4. Iogurte natural

É consenso entre os especialistas que a inflamação crônica causa grande parte dos quadros de tensão nervosa, ansiedade e depressão. E os compostos lácteos, como o iogurte natural, contribuem para evitar esses problemas, uma vez que são poderosos anti-inflamatórios.

Para as mulheres, ele é ainda mais benéfico, pois ajuda a regular os hormônios durante a menopausa e a repor a massa óssea.

(Com Assessoria)

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorNova votação da CPI do Paletó
Próximo artigoSó nome limpo não basta: especialista dá dicas para ter um cadastro positivo