Com apoio da Aprosoja-GO, FPA goiana tem novo presidente

O novo presidente da Frente, deputado estadual Diego Sorgatto (PSDB), sucede o atual presidente da Assembleia Legislativa de Goiás

Foto: Assessoria

Importante parceira nas demandas da Aprosoja-GO, a Frente Parlamentar da Agropecuária de Goiás (FPA) foi reinstalada na quinta-feira (28). O novo presidente da Frente, deputado estadual Diego Sorgatto (PSDB), sucede o atual presidente da Assembleia Legislativa de Goiás, deputado Lissauer Vieira (PSB). Ambos são produtores rurais.

“É importantíssimo isso [o fato de que Sorgatto e Lissauer são ligados à agricultura], porque são pessoas realmente alinhadas com o pensamento do setor, sabem das nossas necessidades e sentem na pele o que acontece no dia-a-dia da atividade rural”, ressaltou o presidente da Aprosoja-GO, Adriano Barzotto, que participou da cerimônia realizada na Federação de Agricultura e Pecuária de Goiás (Faeg), em Goiânia.

Além do anfitrião e deputado federal José Mário Schreiner, a posse foi prestigiada por 18 deputados estaduais, de partidos diversos. “Dá para medir a força dessa FPA pela quantidade de deputados presentes aqui. Eles sabem que uma Frente unida contribui para avançar as proposituras de cada um, o que fortalece o trabalho deles.”

Também participaram da cerimônia o secretário de Agricultura, Antônio Carlos Lima Neto, produtores rurais e representantes de órgãos do governo estadual (Emater, Agrodefesa), sindicatos rurais e entidades do setor agropecuário. Além do presidente Adriano, a Aprosoja-GO foi representada pelo 1° vice-presidente Joel Ragagnin, e pelos diretores Clodoaldo Calegari, Sadi Secco, Eduardo Veras, Alécio Maróstica, Pedro Hugo Rezende, Vitor Gaiardo, Luciano Guimarães, Oziris Ribeiro.

Demandas

Sorgatto assume a FPA goiana com muito trabalho pela frente. “Já estamos atuando para reverter a baixa qualidade da energia elétrica, especialmente na zona rural, o que tem prejudicado milhares de produtores. Também queremos mais agilidade na liberação de licenças ambientais e outorgas”, declarou o deputado.

Para o presidente da Aprosoja Brasil, Bartolomeu Braz, a FPA goiana é uma das frentes parlamentares estaduais mais organizadas do País, o que tem “gerado resultados interessantes”. “Tivemos a revogação da taxação 70/30 [que em 2016, tributou parte das exportações de soja e milho de Goiás], as discussões sobre a lei de aplicação aérea de defensivos, a queda da rastreabilidade bovina”, citou Bartolomeu, que trabalhou com a FPA goiana enquanto esteve na presidência da Aprosoja-GO (2014-2018).

“Essa Frente é tão importante que o trabalho do Lissauer na FPA da legislatura passada o ajudou a se eleger presidente da Assembleia Legislativa agora”, ressaltou Bartolomeu. “O Diego também participava da FPA e já vinha desenvolvendo um importante trabalho em prol do agro.”

O deputado Lissauer Vieira, destacou a atuação do deputado Valcenôr Braz, responsável pela criação da FPA goiana oito anos atrás, principalmente na elaboração do Código Florestal estadual, elencou conquistas da FPA nos quatro anos em que coordenou a Frente e citou o comprometimento de Sorgatto com o setor.

“Sempre tivemos muita abertura e diálogo com as entidades, defendendo os interesses de quem gera emprego, renda e é responsável por grande parte do nosso PIB estadual e do País. Os desafios serão grandes nos próximos anos, mas o deputado Sorgatto é comprometido e terá o nosso apoio para contribuir com a FPA da melhor maneira possível”, afirmou o presidente da Assembleia Legislativa.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorAo menos 20% dos usuários da Netflix usam contas de outras pessoas
Próximo artigoMônica se transforma em Capitã Marvel em parceria da Disney com Maurício de Souza

O LIVRE ADS