Com ampliação de horário e final de ano chegando às academias começam a ter mais procura em Cuiabá e incrementam atividades

(Foto: Reprodução/Forz Gym)

Foi um ano desafiador para todos os setores, porem, para o universo fitness foi  uma verdadeira maratona de equilíbrio financeiro, mas com ampliação de horário em Cuiabá os alunos estão voltando e encontram retribuições, são traduzidas em melhor estrutura, mais dinamismo e preparação mais acentuada dos educadores físicos. A meta da vez é ajudar a conquistar em menor tempo uma silhueta mais malhada, até para compensar o tempo de pandemia, que fez o sedentarismo tomar conta até de quem não ficava sem atividade física.

A Forz GYM, a única academia boutique de Cuiabá já possuía equipamentos de ponta, porem trouxe novidades que agregam ainda mais na preparação física, além de manter a disposição dos seus alunos, com  serviços que impressionam, como médico do esporte, nutricionista, banhos com kits de luxo, alimentação, escovadoria (mini salão de beleza), passadoria de roupa, snacks, pré e pós-treino.

(Foto: Reprodução/Forz Gym)

“Fizemos questão de manter todos os principais atributos da Forz, principalmente  no quesito nutrição,  ao descomplicar em 100% a alimentação dos alunos ao incluir as refeições pré e pós treino, com água, café, mix de castanhas, frutas da estação e shakes, nossa proposta simplifica e turbina a vida e a saúde de quem tem prioridade em estar sempre melhor com o corpo”, explica a gerente da Forz, Marcela Schumann.

A rede de academia Smart Fit também celebra a ampliação de horário, podendo assim atender mais seus alunos, sempre priorizando a biossegurança. “Temos um  número elevado de alunos na rede, são mais de 3 mil alunos em 4 unidades de Cuiabá e Várzea Grande, no entanto a restrição de horário havia se tornado em um grande empecilho na programação pessoal de quem malha, antes quem malhava até 5 vezes na semana, acabava reduzindo para  2 vezes, e sentia a queda dos benefícios da malhação para a saúde e desempenho físico. Agora estamos mais otimistas, mas sempre priorizando o protocolo de biossegurança contra a covid-19”, explica o empresário Amir Maluf, um dos maiores franqueados da rede Smart Fit.

(Foto: Reprodução/Forz Gym)

A Race Bootcamp, Vidya Body & Mind e Tonus Gym – The Muscle Lab que chegou  a Cuiabá para desafiar limites dos seus alunos também esperava por este momento de mais adesão. A unidade abriu as portas apenas há 3 meses, em meio a pandemia, com um alto investimento, e apenas agora consegue celebrar a maior procura por novos adeptos.  “Temos grande procura diante do nosso conceito carregado de adrenalina, entre as atividades da casa, uma delas consiste em perder  até 1000 calorias em uma única aula cheia de prazer. Os estúdios nada convencionais oferecem, dentro dos padrões de segurança determinados pela Organização Mundial da Saúde, diferentes treinos que juntos proporcionam uma experiência fitness completa”, reforça o empresário Amir Maluf que também representa a marca.

Ainda o estúdio propõem experiências transformadoras, em ambientes nada tradicionais, com equipamentos e estruturas especiais, trilha sonora e cenografia que estimulam os cinco sentidos durante o treino. Os treinos da Race Bootcamp acontecem em uma sala com iluminação vermelha e trilha sonora de energia elevadíssima, mesclando tiros de corrida na esteira e exercícios funcionais. Instigando o aluno a superar seus limites máximos.

Para o presidente da Acad (Associação Brasileira de Academias), Celso Mitsunari, e também proprietário da academia Medley, a avaliação do momento é de extrema importância para o setor, que ainda tenta alavancar para superar os prejuízos passados. “Nosso segmento é promotor da saúde, o poder público deve ter atenção a este segmento, que não é disseminador de morbidades, mas sim de preservação da saúde e da vida. Estávamos naufragando e agora lutando para cumprir nossa finalidade”, reforça Mitsunari que reforça o fato de que não todas as academias conseguiram retornar as atividades. “Ainda estamos tristes com um volume expressivo de fechamento de academias e demissões no setor”, finaliza.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorGoverno autoriza retomada de obras no Hospital Central após 34 anos
Próximo artigoPrefeitura de Cuiabá se recusou a receber medicamento de graça contra a covid-19