Cocaína apreendida pela FAB e PF em MT vinha com selo de origem; veja

As drogas foram apreendidas em operação conjunta da Polícia Federal com a Força Aérea. Os suspeitos conseguiram fugir

(Foto: Polícia Federal)

A Força Aérea Brasileira (FAB) interceptou na manhã da última quarta-feira (25) uma aeronave que vinha da Bolívia com aproximadamente 500 kg de pasta base de cocaína. Depois de um tiro de detenção, o avião fez um pouso forçado em um lago do Parque Nacional do Pantanal Mato-grossense.

O LIVRE obteve acesso ao resultado da operação, que foi realizada em parceria com a Polícia Federal em Cáceres. O volume de drogas impressiona. Chama a atenção o fato de as drogas virem com dois selos distintos: um “HD” e também uma coroa.

(Foto: Polícia Federal)

Conforme informações da FAB, o avião foi interceptado no norte de Corumbá, em Mato Grosso Sul, por volta das 7 horas da quarta-feira (25). Três aeronaves A-29 e um avião-radar E-99 participaram da interceptação, que contou com o tiro de aviso, até chegar na última medida prevista: o tiro de detenção. Esta é a segunda vez que esta medida é tomada pela FAB.

 

 

Após a execução do tiro de detenção, a aeronave, que não tinha plano de voo, fez pouso forçado em um lago localizado na área do Parque Nacional do Pantanal Matogrossense, quando então foi feita a apreensão da carga ilegal da aeronave pela Polícia Federal.

(Foto: Polícia Federal)

 

 

 

 

 

 

Confira os vídeos da apreensão:

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorDeputado que tatuou nome de Temer bate em professor no Pará
Próximo artigoDe frente com Leitão