Cinco pessoas são presas e oito animais resgatados em rinha de galo na Grande Cuiabá

Os animais estavam bastante machucados

Foto: PMMT

Cinco pessoas com idades entre 18 e 38 anos foram pressas nesse sábado (25) após a Polícia Militar descobrir uma rinha de galo no Bairro Santa Maria I, em Várzea Grande (região metropolitana de Cuiabá).

O Batalhão Ambiental da PM foi ao local após uma denúncia anônima e, ao chegar, encontrou os suspeitos praticando os maus-tratos aos galos.

Os animais, oito no total, estavam amarrados no quintal da casa, presos dentro de gaiolas apertadas, sem os devidos cuidados e submetidos a mutilamentos, como penas arrancadas e outros danos físicos.

Dentro da casa os militares ainda encontraram uma espingarda de pressão calibre 5.5, alguns apetrechos de uso no combate para treinamento de briga de galo, uma arena de briga e R$ 1.022 em dinheiro, que acredita-se serem fruto de apostas.

Além disso, segundo a Polícia Militar, no local também havia um frasco de medicamento em gotas, um supercomplexo vitamínico usado no preparo de animais que vão praticar atividades que exigem grandes esforços físicos.

Os suspeitos foram autuados por maus-tratos a animais e todo material apreendido foi encaminhado à Delegacia de Meio Ambiente (Dema).

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorCuiabá: comércio de rua já funciona hoje e shoppings abrem as portas amanhã
Próximo artigoCrise? Que crise? Bilionários ficaram ainda mais ricos com a pandemia, aponta estudo