Cidade tem risco de câncer 50 vezes maior que a média dos EUA

A cidade é conhecida como "Beco do Câncer"

A cidade de Reserve, na Louisiana, nos EUA, tem um risco de câncer 50 vezes maior que a média nacional do país. Reserve fica no coração de um corredor industrial entre Nova Orleans e Baton Rouge e é conhecida por muitos de seus moradores como “Beco do Câncer“.

Esse nome vem uma fábrica de produtos químicos, construída no local de uma antiga plantação, que emite no ar um provável carcinógeno: cloropreno. Quase toda casa da cidade tem família com um membro que faleceu em decorrência do câncer.

Por muito tempo, a desconfiança com a toxicidade da atmosfera do lugar  imperou.

Os moradores sempre se perguntavam sobre a poluição, mas nunca sabiam ao certo. Para piorar a maioria dependia das plantas petroquímicas para ganhar a vida. Mas em 2015 a Agência Ambiental americana (EPA) não só confirmou a existência de um risco profundamente maior de câncer em toda a região, mas também localizaram Reserve bem no epicentro do rádio de contaminação.

Mesmo assim, essas revelações que ocorreram em 2015, não motivaram as autoridades a tomar qualquer atitude para melhorar a qualidade de vida dos cidadãos da cidade que não possuem culpa alguma pelo fato.

A cidade de classe operária com cerca de 10 mil habitantes teve que viver com um provável carcinógeno por 50 anos e dar voz à frustração, raiva e tristeza dos moradores que sonham com um ambiente saudável, mas que são tratados com indiferença.

Confira:

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anterior“Arcanjo” é preso por dirigir embriagado em Cuiabá
Próximo artigoEnem 2019 tem 6,3 milhões de inscritos