Chapa de Claudecir é indeferida pela justiça federal, e não assumirá o CRECI para o triênio 2022/2024

Chapa concorreu ao pleito eleitoral via liminar. Decisão invalida os votos estabelecidos a chapa eleita

O Tribunal Regional Federal da 1ª Região indeferiu, na segunda-feira (11/10), a Chapa 2 ‘Pra Frente Corretor’, representada por Claudecir Contreira, atual vice-presidente do Conselho Regional de Corretores de Imóveis de Mato Grosso, ao pleito eleitoral do Sistema CRECI-COFECI. A decisão invalida os votos estabelecidos a chapa 2, na eleição realizada no dia 7 de julho, para o triênio 2022/2024.

A justiça acatou o pedido motivo pela chapa adversária ‘CRECI cada vez melhor’, que solicitou a exclusão da chapa de Claudecir do processo eleitoral.

Na decisão, a Juíza Federal Kátia Balbino de Carvalho Ferreira, suspende o comando da sentença que anulou os efeitos da decisão proferida pela Comissão Eleitoral do COFECI – Conselho Federal, que indeferiu o registro da chapa Pra Frente Corretor por não estar respeitando as normas para concorrer ao pleito eleitoral.

Conforme a Resolução-COFECI n. 1.446/2020, que estabeleceu as normas para realização de eleições nos Conselhos Regionais de Corretores de Imóveis (CRECI) , diz (§ 3º do artigo 27 ) que será automaticamente excluído do pleito o candidato que no decorrer do processo eleitoral, vier a inadimplir, total ou parcialmente, obrigação financeira de qualquer natureza junto ao CRECI.

A justiça considerou que quatro integrantes da chapa 2 estavam inadimplentes com o Conselho, e que foi correta a decisão da Comissão eleitoral do COFECI de indeferimento de registro da referida Chapa. Outro fator decisivo é que somente poderão ser membros do Conselho Regional os corretores de imóveis com inscrição principal na jurisdição há mais de dois anos e que não tenham sido condenados por infração disciplinar (Art. 12 da Lei 6.530/1978).

Com a decisão, a Chapa 1 “CRECI cada vez melhor”, é considerada a única elegível, nos termos da Resolução 1.446/2020. O atual presidente do CRECI, professor Benedito Odário, foi quem encabeçou a chapa 1, e deve permanecer frente ao CRECI para o triênio 2022/2024.

 

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorVendas de Seguidores Instagram Cresce 187% em 2021
Próximo artigoQuem já tem anticorpos? Pesquisa de prevalência da covid-19 segue até dia 30