Chanceleres do Mercosul se reúnem em Brasília

Na reunião deve ser analisado o resultado das últimas negociações, em novembro em Bruxelas

(Foto: Itamaraty/divulgação)

Os ministros das Relações Exteriores dos países que compõem o Mercosul (Argentina, Brasil, Paraguai e Uruguai, pois a Venezuela está momentaneamente suspensa) se reúnem hoje (6) em Brasília, no esforço de avançar no acordo de associação com a União Europeia (UE).

Na reunião devem ainda analisar o resultado das últimas negociações, em novembro em Bruxelas.

Controvérsias

A reunião também servirá para diminuir dúvidas geradas por afirmações do presidente da França, Emmanuel Macron, que condicionou os avanços entre o Mercosul e a União Europeia ao comprometimento do presidente eleito, Jair Bolsonaro, ao Acordo de Paris, que define ações para conter o aquecimento global.

Segundo Macron, a França não será favorável à assinatura de “acordos comerciais amplos” com países que se opõem ao Acordo de Paris.

As negociações entre o Mercosul e a UE continuam travadas por diferenças nos setores agropecuário, automotriz e lácteo, e questões de acesso a mercados, entre outros pontos.

Entraves

O Mercosul e a UE negociam desde 1999 um amplo acordo de associação, incluindo o tratado de livre-comércio, embora as negociações tenham ficado completamente estagnadas entre 2004 e 2010 e só tenham sido retomadas em 2016.

Há divergências em pontos referentes à indústria automobilística e ao acesso aos mercados de produtos como a carne bovina, o açúcar e os produtos lácteos.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorBolsonaro debate novo modelo de Segurança Pública com senador de MT e entidades do setor
Próximo artigoVendas internas de veículos novos têm melhor resultado desde 2015