Caso Isabele: adolescente que matou a amiga consegue liberdade

Decisão judicial desclassificou a conduta de dolosa para culposa. Trâmites para a soltura da jovem são realizados

Caso Isabele
(Foto: arquivo pessoal)

A adolescente B. de O.C. acusada de matar com um tiro a amiga, Isabele Ramos Guimarães, de 14 anos, será colocada em liberdade. Os trâmites para a soltura já foram iniciados nesta quarta-feira (8), pelo Sistema Socioeducativo.

A liberdade vem depois que, por maioria, a Terceira Câmara Criminal do Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT), desclassificou a conduta de dolosa, ou seja, intencional, para culposa, sem intenção. O julgamento aconteceu nesta quarta-feira.

Por se tratar de processo envolvendo menor, a tramitação ocorre em segredo de Justiça, por determinação do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). Por isso o TJMT não forneceu mais detalhes do julgamento.

A adolescente é colocada em liberdade, quase um ano e meio depois de ser apreendida pela morte de Isabele.

Relembre o caso

Isabele morreu no dia 12 de julho, no Alphaville I, condomínio de luxo no bairro Jardim Itália, em Cuiabá.

A versão apresentada pela amiga da vítima, autora do disparo, é de que o tiro foi acidental.

LEIA TAMBÉM

 

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorSTJ decide que rol da ANS é taxativo
Próximo artigoPequenos negócios geraram 76% das vagas de emprego em 2022