Carnaval agora é infração sanitária

Bailes, públicos e privados, estão proibidos em Cuiabá entre os 15 e e 16 deste mês e quem desobedecer pode ser punido

(Foto: Suellen Pessetto/ O LIVRE)

As aglomerações que eventualmente forem flagradas durante o período de Carnaval serão tratadas como infração sanitária pela Prefeitura de Cuiabá. As punições podem chegar a prisão.

Conforme a Secretaria de Ordem Pública do município, quem fizer festa estará colocando em risco a saúde pública.

O decreto baixado na semana passada pelo prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) proíbe qualquer tipo de evento que gere aglomeração em espaços públicos e privados entre os dias 15 e 16 de fevereiro.

A fiscalização deve ser intensificada em áreas de bares, distribuidoras, conveniências entre outros estabelecimentos desse tipo. As punições previstas no decreto vão de sanções e multas até a prisão, em casos extremos.

A Secretaria Ordem Pública diz que também haverá mais rigor na fiscalização da poluição sonora, que costuma ser comum nesse período.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorHomem abusa de garota de 14 anos que cuidava de seus filhos
Próximo artigoMulher é agredida por companheiro por se negar a fazer sexo