Candidato ao Senado: Pivetta garante apoio de seis partidos e tenta atrair mais dois

PSB, MDB, Republicanos, PCdoB, Cidadania e PV apoiam projeto do vice-governador; tratativas incluem Rede e Pros

Ednilson Aguiar/ O Livre

O vice-governador Otaviano Pivetta (PDT) se reuniu na manhã desta sexta-feira (7) com lideranças partidárias que compõem a aliança em torno de sua pré-candidatura ao Senado.

Presidente estadual do PDT, o deputado Alan Kardec avalia que a reunião fortaleceu o projeto que vem sendo construído desde fevereiro, antes de a eleição suplementar ser adiada por conta da pandemia do novo coronavírus.

Pivetta já conta com apoio do PSB, MDB, Republicanos, PCdoB, Cidadania e PV.

“Todas as alianças estão mantidas e avançamos com o nome muito forte do Otaviano nessa candidatura ao Senado. O que estamos procurando agora é ampliar o diálogo com todos os outros partidos”, diz Kardec.

Pivetta deve se reunir nos próximos dias com lideranças de legendas como a Rede e o Pros.

“Ele também está aguardando o retorno do governador Mauro Mendes (DEM) para que possa conversar com ele. Depois vai se posicionar como fica a questão do mandato como vice-governador”.

Mauro Mendes está internado em São Paulo desde o último fim de semana, por conta de uma pneumonia.

A eleição suplementar ao Senado será realizada em conjunto com as eleições municipais deste ano, em 15 de novembro.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorA conversão da prisão em flagrante em prisão preventiva por iniciativa do juiz
Próximo artigoExame para revalidar diplomas de Medicina gera conflito entre políticos e professores