Câncer se agrava e estado de saúde de prefeito de São Paulo piora

O câncer teria se espalhado para fígado e ossos e o prefeito segue internado em uma unidade de São Paulo

(Foto: Rovena Rosa/ABr)

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), apresentou uma grave piora no estado de saúde nos últimos dias. De acordo com a equipe médica, há um acúmulo de líquido no abdômen e no pulmão devido ao câncer.

Desde 2019, o prefeito luta uma difícil batalha contra um tipo raro de câncer que foi localizado na região da cárdia, localizada na transição entre o estômago e o esôfago.

Embora o tratamento já se arraste por alguns anos, o câncer vem apresentado lenta evolução em Covas. Na ocasião das eleições de 2020, o prefeito de São Paulo precisou passar por diversos procedimentos médicos durante sua candidatura à reeleição.

Desde a semana passada, o prefeito se encontra internado fazendo tratamento de quimioterapia e imunoterapia contra os novos sinais de câncer identificados, agora espalhados também no fígado e nos ossos.

Um dos médicos responsáveis pelo tratamento do prefeito, David Uip, afirmou que Covas passou por um processo de drenagem bastante complicado na região do abdômen.

“A inflamação causada pelo tumor, que se localiza no fígado, causou um acúmulo de líquido no abdômen e no pulmão. Até a retirada desses drenos, o prefeito deve continuar internado. Não tem data previsível, depende da diminuição de fluxo”, explicou o médico.

Depois do agravamento no quadro, os médicos decidiram por alimentar Bruno Covas por meio de cateter, visto que notaram que ele havia perdido peso.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorCovid-19: Fiocruz vai entregar 5 milhões de doses de vacina na sexta
Próximo artigoApós negociação de Queiroga, Espanha doará 80 mil “kits entubação” ao Brasil