Caminhoneiro Zé Trovão se entrega à Polícia Federal

O ativista político teve sua prisão decretada pelo Supremo Tribuna Federal e está foragido há dois meses

(Foto: Reprodução)

O caminhoneiro Marcos Antônio Pereira Gomes, conhecido pelo apelido de “Zé Trovão”,  entregou-se à Polícia Federal após dois meses foragido. Em nota, a defesa de Zé Trovão afirmou que ele se entregou nessa terça-feira (26), obedecendo a decisão do Supremo Tribunal Federal.

Ainda segundo os advogados do caminhoneiro, Zé se entregou de forma “espontânea” à PF na cidade Joinville (SC), onde mantém residência.

Sete de setembro e acusação

O caminhoneiro ajudou na organização e divulgação dos atos de 7 de setembro em defesa do presidente Jair Bolsonaro e contra o Supremo Tribunal Federal.

Em suas lives, o manifestante não poupava críticas ao Supremo Tribunal Federal e acabou virando alvo de um pedido de prisão expedida pelo ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF).

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorExames práticos do Detran
Próximo artigoPolícia Civil indicia 25 criminosos por roubos de veículos, estelionato e lavagem de dinheiro na região metropolitana