Cadáver de mulher é desenterrado de cemitério e polícia é chamada

O corpo de uma mulher foi desenterrado; ainda não há informações sobre o motivo do crime

Imagem ilustrativa (Foto:Ednilson Aguiar/ O Livre)

Um caso atípico foi registrado pela Polícia Militar nessa terça-feira (2). Um sepulcro do cemitério de Alto Garças (360 km de Cuiabá) foi violado.

A PM foi acionada por pessoas que viram que o tumulo havia sido violado e, ao chegar no local, identificou a ossada humana, que pertencia a uma mulher.

Os policiais entraram em contato com o irmão da mulher falecida que havia sido enterrada no local e informaram o ocorrido.

A princípio, ainda não há informações sobre o motivo do crime.

O caso foi registrado como “vilipêndio a cadáver”, o crime contra o respeito aos mortos, com pena prevista entre um a três anos de reclusão e pagamento de multa.

A Polícia Judiciária Civil deverá investigar o caso.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

1 COMENTÁRIO

  1. Violar Sepulcros. Sepultar adequado. Aguardar Prazo de Remoção de Ossadas pode estar ocorrendo sobre este e outros casos em função de Heranças. Exumação. Guarda e Transportes e até descuidos administrar, já vi e acionei prefeito.
    Cemitérios são recantos Sagrado Legal tem Documentos REGISTROS, então famílias, CARTÓRIOS e Vigilância deveria ser 24h como função PÚBLICA.
    Aguardo investigar com desorganizados e seja educados a Vê BRASIL tem Leis e fiscal é Povo.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorSeduc manda recolher apostilas que exaltavam programa do governo de MT
Próximo artigoFuncionário de papelaria é preso por abusar sexualmente de menino de 13 anos

O LIVRE ADS