Botelho, o intercessor

Deputados que compõem a CPI querem mais que coletes à prova de balas. Querem respostas

(Foto: Ednilson Aguiar/ O Livre)

Além do colete à prova de balas, o deputado estadual Wilson Santos (PSDB) pediu ao presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso, Eduardo Botelho (DEM), que “interceda junto ao governo do Estado e Sefaz para garantir que as informações solicitadas pela CPI [da Sonegação Fiscal] sejam concedidas”.

No retorno dos trabalhos, nesta terça-feira (3), os deputados que compõem o grupo foram informados, inclusive, que devem mudar a forma como solicitam informações à Secretaria de Estado de Fazenda.

Por orientação da Procuradoria da ALMT, eles devem escrever requisições, o que tecnicamente – e teoricamente – “obriga” uma resposta mais assertiva da Pasta.

Botelho foi pontual e afirmou que ainda nesta terça-feira faria a interlocução com o governo.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anterior“Vamos precisar de coletes à prova de bala”, diz deputado sobre CPI da mineração
Próximo artigoSérie de Kéfera na Netflix, Ninguém tá Olhando, é cancelada na 1ª temporada