Botelho diz que LOA era maquiada e orçamento deve ser votado apenas em 2019

LOA, que está sendo alterada a pedido de Mauro Mendes, ainda não foi enviada para a ALMT

Eduardo Botelho (Foto: Ednilson Aguiar/ O Livre)

A Lei Orçamentária Anual (LOA) do Governo Estadual para 2019 deve ser votada pela Assembleia Legislativa (ALMT) apenas ano que vem, quando os deputados estaduais retornarão do recesso parlamentar. O presidente do Legislativo Estadual, deputado Eduardo Botelho (DEM), disse, nesta quarta-feira (5), que o próximo orçamento não será maquiado, como teria ocorrido no projeto da LOA de 2018, enviada pelo governador Pedro Taques (PSDB), que não apontou saldo negativo.

“O governador [eleito], Mauro Mendes, pediu para fazer um orçamento realista, pois o que tem hoje é um orçamento meio maquiado, pois tem um déficit de R$ 1,5 bilhão e ele quer que conste [no projeto]”, detalhou o presidente da Assembleia Legislativa.

A LOA, que está sendo alterada a pedido do governador eleito Mauro Mendes (DEM), ainda não foi encaminhada para o Legislativo Estadual. Os parlamentares vão entrar em recesso nas próximas duas semanas, por isso, o novo projeto da Lei Orçamentária deve entrar em pauta apenas em janeiro.

O governador eleito, Mauro Mendes (DEM), e o presidente do Legislativo Estadual, Eduardo Botelho (DEM), destacaram que a votação precisa ser realizada antes do dia 31 de janeiro, pois os novos parlamentares assumem o mandato em fevereiro.

Mauro Mendes, disse, nesta quarta-feira (5), que o Estado deve encerrar este ano com um déficit de quase 1,9 bilhão. O “rombo” no orçamento foi apresentado pelo governador eleito aos deputados estaduais.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorSanta Casa de Cuiabá ainda acumula dívidas milionárias e tem UTIs fechadas por falta de pagamento
Próximo artigoReforma do Dutrinha vai custar R$ 461 mil e empresa deve ser contratada ainda este mês