Bombeiros tentam controlar incêndios em Chapada dos Guimarães há 4 dias

Fumaça vinda do local une-se a produzida em outros focos no entorno da Capital, o que transformou o céu de Cuiabá

O vento tem prejudicado a ação dos Corpo de Bombeiros no incêndio florestal da Área de Proteção Ambiental (APA) de Chapada dos Guimarães. As chamas começaram a ser combatidas na quinta-feira (19) e mesmo com o auxílio de aeronaves e brigadas de solo, ainda não houve sucesso no controle. Cerca de 5 mil hectares já foram consumidos pelo fogo.

A situação tem influenciado diretamente Cuiabá, capital mato-grossense, onde a fumaça tomou conta dos céus desde o início da ocorrência e vem se agravando por conta de outros focos registrados nas região adjacentes, como Coxipó do Ouro, e também na MT-040, em direção a Santo Antônio de Leverger.

Conforme informações dos bombeiros, não há como se ter uma estratégia por muito tempo porque o vento faz com que as chamas mudem de curso, exigindo um reposicionamento por parte dos grupos de combate.

Na área, estão sendo empregados vários recursos, entre eles 2 aeronaves, que dão apoio às equipes em terra. O helicóptero da Polícia Militar também está agindo na região e contribui com o trabalho de identificação da área, o que dá mais segurança para as equipes infiltrarem na região de mata.

Até agora, o efetivo empregado é de 151 pessoas entre militares e civis.

(com informações da Assessoria)

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorJovem é extorquido e agredido com tamanco durante programa no Zero
Próximo artigoDória afasta coronel da PM que defendeu manifestação de Sete de Setembro