Bolsonaro vai vetar “passaporte de vacinado”

O documento criaria uma classe de "pessoas vacinadas", com privilégios como frequentar lugares públicos

(Foto: Agencia Brasil)

Na tarde desta terça-feira (15) o presidente Jair Bolsonaro garantiu que vai vetar o projeto do “passaporte sanitário” contra a covid-19. A medida foi aprovada em 10 de junho pelo Senado e será analisada pela Câmara dos Deputados.

De acordo com Bolsonaro, caso o projeto passe pelo Congresso, será vetado pelo governo federal.

“Se passar no Congresso, eu veto e o Parlamento tem o direito de analisar”, disse o presidente.

Passaporte sanitário

O projeto visa a criar o chamado “certificado de pessoa vacinada”. Na prática, o documento daria “vantagens” a pessoas vacinadas.

Com o documento, vacinados e pessoas que testaram negativo para a coronavírus poderiam frequentar espaços públicos e privados independentemente do isolamento social.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorMãe e filha sofrem estupro coletivo ao irem a cidade de namorado virtual de jovem
Próximo artigoTJ nega bloquear R$ 481 milhões de suspeitos de crime ambiental em MT