Bolsonaro promete indicar evangélico para o STF em 2021

Será a segunda indicação do presidente para o Supremo; o próximo ministro deve ocupar a vaga de Marco Aurélio Mello

(Foto: Ednilson Aguiar/O Livre)

Em um discurso na Igreja Assembleia de Deus nessa segunda-feira (05), o presidente Jair Bolsonaro prometeu indicar um nome do meio evangélico para o Supremo Tribunal Federal (STF) no próximo ano.

Na última semana, o presidente indicou o desembargador Kassio Nunes para a vaga de Celso de Mello que se aposentará neste mês.

Para o presidente, ter um religioso na corte aumentará o nível do debate, que ficará mais diverso.

“Se Deus quiser teremos lá dentro um pastor. Imaginemos as sessões daquele STF começarem com uma oração. Tenho certeza de uma coisa: isso não é mérito meu, é a mão de Deus”, afirmou o presidente.

Bolsonaro deve indicar o próximo ministro no lugar de Marco Aurélio Mello, que irá se aposentar em 2021. No momento, o nome mais cotado para a vaga é o do pastor e ministro da Justiça André Mendonça.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorJustiça marca audiências com acusados de desviar R$ 337 milhões de MT
Próximo artigoConheça os candidatos!