|Quinta-feira, 17 Janeiro 2019
(Brasília - DF, 09/01/2019) Presidente da República, Jair Bolsonaro, durante execução do Hino Nacional. Foto: Marcos Corrêa/PR

Bolsonaro defende mudanças na legislação para combater a violência

Manifestação ocorre após ameaça feita contra ele nas redes sociais

COMPARTILHECOMPARTILHE

O presidente Jair Bolsonaro defendeu hoje (11) mudanças na legislação com a participação de todas as esferas de todos os Poderes e da imprensa para impedir o avanço da violência no país. A afirmação foi feita em referência a um vídeo que pode ser visto na conta pessoal de Bolsonaro no Twitter.

Nas imagens, aparece um prédio incendiado no Ceará e uma voz masculina ameaçando o presidente com xingamentos. As ameaças fazem referência às declarações de Bolsonaro no sentido de endurecer a política de combate à violência.

“Note a necessidade mais que urgente de se mudar a legislação com participação de todas as esferas de Poderes e Imprensa”, esceveu o presidente destacando a palavra “imprensa” com letra maiúscula.

Ao se referir ao vídeo, Bolsonaro afirmou que a população precisa ter uma resposta urgente e que não aceita ameaças. “Não porque o marginal ameaça, citando meu nome, mas para mostrar ao povo ordeiros de que lado estão o Executivo, Legislativo e Judiciário.”

Minutos depois, em um novo tuíte, o presidente destacou que os criminosos “sabem exatamente o que fazem”. “Combatê-los é simples e rápido, mas requer que os Poderes permitam mecanismos para realmente defender a população”, acrescentou. Segundo Bolsonaro, “é necessário [adotar] ações para que os agentes de segurança possam dar a efetiva resposta”.

 

Ataques no Ceará

A onda de violência no Ceará começou há mais de uma semana. Prédios e ônibus são incendiados, e moradores temem sair às ruas por causa dos riscos constantes.

A Força Nacional foi enviada à região para atuar com os agentes de segurança locais, assim como presos considerados mais perigosos foram transferidos para presídios federais.

Deixe um comentário

Please enter your name here
Please enter your comment!

LINKS PATROCINADOS

DESTAQUES

Bairro Cuiabá História Municípios Policia
Brasil bate recorde de mortes violentas em 2017
Restaurantes de MT devem reservar lugares para idosos, gestantes e deficientes
Para ter uma arma em casa, o gasto mínimo é de R$ 3,7 mil
Assembléia Legislativa Câmara Municipal Eleições 2018 Governo Judiciário Partidos Prefeitura
Restaurantes de MT devem reservar lugares para idosos, gestantes e deficientes
Estado de Mato Grosso gasta 70% do orçamento com funcionalismo e previdência
Sindicato da Empaer critica extinção e defende que governo crie fundação com novo CNPJ
Agricultura Agropecuária Economia Agrícola Indicadores Agrícolas Pecuária Tecnologia Agrícola
Comercialização da safra 17/18 do algodão mato-grossense entra na reta final
IBGE: PIB dos municípios do agronegócio tem crescimento médio de 13,65% em MT
Brasil vai exportar material genético bovino e bubalino para o Suriname
Artes Cênicas Artes Plásticas Artesanato Cinema Comportamento Cultura Popular Gastronomia LIteratura Música
Restaurantes de MT devem reservar lugares para idosos, gestantes e deficientes
Produtores de Family Guy dizem que piadas sobre homossexuais estão sendo boicotadas
Museu de Arte Sacra reabre as portas e convoca fotógrafos para exposição coletiva
Corrupção Economia Eleições Estados Política
Com aval de Paulo Guedes, governador de Mato Grosso decreta calamidade financeira
Tarifas de embarque em aeroportos terão aumento de 5,39%
Macri: viagem ao Brasil é começo de salto para a frente no Mercosul
Concurso Dicas Estágio Vagas de Emprego no Mato Grosso
Rede de hotéis oferece diárias a partir de R$ 99,90 em Cuiabá
Sine-Cuiabá tem 79 vagas e salários de até R$ 2.300 esta semana; confira
Sine em Mato Grosso oferece mais de 1,4 mil ofertas de emprego
X