Binotti, que assumiu prefeitura de Lucas do Rio Verde com dívidas, entrega gestão com saldo positivo de R$ 60 milhões Luiz

Ex-prefeito Luiz Binotti deixou mais de R$ 50 milhões em caixa, e mais R$ 10 milhões em estoque de mercadoria, nos cofres da Prefeitura Municipal de Lucas do Rio Verde, resultado das boas práticas financeiras adotadas na gestão. Os valores foram apresentados na prestação de contas públicas do município entre os anos de 2017 a 2020.

O saldo positivo em caixa é comemorável, já que em 2017 Luiz Binotti assumiu a prefeitura de Lucas do Rio Verde com um com déficit em caixa de mais de R$ 6 milhões.

Na gestão de Binotti foram executadas mais de 100 obras e, 20 obras estão em andamento para a atual gestão finalizar, já com convênios ou recursos próprios.

Diante do maior desafio provocado pela pandemia do novo Coronavírus, Lucas
do Rio Verde foi o único município da região que abriu leitos de UTI com
recursos próprios e conseguiu oferecer tratamento com medicamentos no
estoque e contratação de profissionais da saúde.

“Estamos entregando a PrevLucas com quase o dobro de dinheiro em caixa,
pegamos com R$ 96 milhões e hoje entregamos com R$ 190 milhões em caixa,
além da evolução de 34% do patrimônio público chegando a R$ 775 bilhões.
Isso é o resultado da capacidade da nossa gente, que incansavelmente
trabalha para obter resultados e cumprir os compromissos assumidos”,
comemora Binotti.

Vale destacar que Luiz Binotti concorreu à reeleição para prefeito de Lucas do Rio Verde e conquistou o segundo lugar nas eleições de 2020, com 11.802 votos. Entretanto, conforme dados do TRE-MT a cidade de Lucas do Rio Verde teve quatro mil eleitores que não conseguiram transferir seus títulos, devido à pandemia do novo Coronavírus com cartórios eleitorais fechados. Somando o número de eleitores que não puderam votar, que não conseguiram transferência e que eram grupo de risco, chegamos ao impressionante número de 30 mil eleitores que não votaram no prefeito que assume a atual gestão.

”Temos uma força política muito grande. Quem perde uma eleição automaticamente vai pra oposição, mas nossa oposição é construtiva, consciente e fiscalizadora. Com quatro vereadores na Câmara Municipal, seguimos com nosso grupo político unido com nosso deputado federal Neri Gueller e Carlos Favaro no Senado, um patrimônio político que iremos cuidar”, afirmou Luiz Binotti.

Com uma gestão popular voltada para as necessidades dos que mais precisavam, os compromissos assumidos por Luiz Binotti foram executados e entregues até o último dia da sua gestão, 31 de dezembro de 2020.

Luiz Binotti e sua equipe de profissionais competentes, finalizaram a Gestão 2017/2020 com o sentimento de “dever cumprido”. Confira tudo que foi realizado nesses 4 anos acessando http://gestaobinotti.com.br/Gestao-Luiz-Binotti-2017-a-2020.pdf

Quem nos dera que todos os políticos brasileiros tivessem tal grau de
comprometimento com seus municípios e eleitores.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorMaioria dos hospitais da covid-19 está em alerta com alta de ocupação de UTIs
Próximo artigoDireito exclusivo do presidente