Barroso pedirá vista

Briga entre ministros do STF pode beneficiar Selma Arruda

Gilmar Mendes e Luís Barroso: eles não se bicam - e isso pode ser bom para Selma

Um fonte do LIVRE em Brasília afirmou que é praticamente certo que o ministro Luís Roberto Barroso, vice-presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), pedirá vista e adiará para as calendas o julgamento sobre a cassação do mandato da senadora Selma Arruda.

O motivo? Selma tem uma postura de enfrentamento ao ministro Gilmar Mendes, colega e desafeto de Barroso no Supremo Tribunal Federal (STF).

Para Barroso, tudo o que é ruim para Gilmar é bom para o Brasil, diz a fonte.

Além de Luís Barroso, faltam votar no julgamento de Selma os ministros Rosa Weber (presidente do TSE), Edson Fachin, Luis Felipe Salomão, Tarcísio Vieira de Carvalho Neto e Sérgio Silveira Banhos.

O relator do processo no TSE, ministro Og Fernandes, já votou. Para ele, Selma perde o cargo e nova eleição deve ser convocada em Mato Grosso.

Em tempo: caso haja um pedido de vista nesta noite, o julgamento só será retomado em 2020, após o sagrado recesso judiciário.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorMendes quer repeteco
Próximo artigoOperação investiga repasses que teriam beneficiado filho de Lula