Banco Central estima alta histórica do PIB brasileiro em 2021

Previsão é embasada num cenário de aceleração da vacinação contra a covid-19 e redução do número de casos da doença

Na manhã desta quinta-feira (25), o Banco Central (BC) divulgou o panorama econômico para o próximo ano. De acordo com a previsão, o Brasil pode ter um crescimento de 3,6% do Produto Interno Bruto (PIB) em 2021.

Para o Banco Central, o país pode não começar o ano tão bem, entretanto, é esperado uma recuperação relevante nos últimos dois trimestres.

“É possível uma recuperação relevante nos últimos dois trimestres do ano, decorrente da redução esperada na taxa de letalidade da covid-19 e no número de internações, com o avanço da vacinação”, diz o relatório.

O Banco Central ainda afirma acreditar que os avanços no calendário da vacinação serão fundamentais para a recuperada da economia brasileira.

LEIA TAMBÉM

“Supõe-se ainda que o cronograma anunciado de vacinação será seguido sem desvios acentuados e que as novas variantes de atenção do vírus não afetarão de modo significativo os resultados da campanha de vacinação”, conclui o documento.

Caso a previsão do Banco Central se concretize, o PIB de 2021 pode ser um dos mais altos da última década.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorMP recua de ação judicial e vai aguardar decreto do governo
Próximo artigoSó 28%: MT cai ainda mais no ranking do isolamento social