Santa Casa faz falta

Atendimentos no PS de Várzea Grande saltaram de 600 para 840 por dia

O senador Jayme Campos (DEM) deu um exemplo claro de como o fechamento da Santa Casa afeta toda rede de saúde de Cuiabá e Várzea Grande. Segundo o democrata, os atendimentos no Pronto-socorro de Várzea Grande saltaram de 600 para 840 por dia.

No encontro com o ministro da saúde, Luiz Henrique Mandetta, Campos reclamou que o atendimento está sendo maior desde março, com o fechamento da Santa Casa, mas os recursos repassados para a unidade são os mesmos, não sofreram aumento de acordo com a demanda.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorCasa Civil chama a polícia
Próximo artigoEx-governador do Espírito Santo vem a MT contar como tirou Estado da crise