Atualização de plano para covid-19

Justiça quer que a Prefeitura de Várzea Grande e o governo deem novos prazos para leitos, respiradores e contratação de profissionais

(Foto:Ednilson Aguiar/ O Livre)

A Justiça deu prazo de 15 dias para a Prefeitura de Várzea Grande o governo de Mato Grosso apresentarem planos de controle da covid-19. A decisão é do juiz da Vara de Saúde Pública, José Luiz Leite Lindote, desta terça-feira (8), e acata pedido do Ministério Público do Estado (MPE).  

Os planos, para o cenário atualizado do contágio, deverão ainda ter previsão financeira e cronograma de implantação de novos leitos de internação enfermaria e de Unidades de Tratamento Intensivo (UTI) exclusivos 

Assim como Cuiabá, o período da quarentena obrigatória em Várzea Grande, iniciada há 13 dias, encerra nesta semana. O MP já pediu que a justiça renove a determinação. 

O juiz Lindote estabelece também a apresentação de previsão de contratação de profissionais da saúde e aquisições de respiradores, medicamento e de testes de contágio pelo novo coronavírus. 

O Ministério Público disse que existe falta de transparência nos dados oficiais de Várzea Grande sobre a pandemia. A União repassou R$ 93 milhões ao município para a adoção de medidas.  

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorPrêmio Innovare seleciona quatro boas práticas do Judiciário de MT
Próximo artigo40 vagas para médicos em Cuiabá