Atraído por jovem, homem é sequestrado e fica sem carro

A princípio ele achou que a acompanhante tinha sido sequestrada e só depois descobriu que ela fazia parte do crime

Foto ilustrativa

Um homem de 30 anos foi vítima de um golpe, seguido de sequestro e roubo, na madrugada deste sábado (15), depois de marcar um encontro com uma jovem de 19 anos.

A menina pediu para ir ao mirante do Centro de Eventos do Pantanal, em Cuiabá (MT), para “namorar”, mas, na verdade, todo o esquema já estava montado e um comparsa já aguardava para ajudá-la a cometer o crime.

A vítima conheceu a jovem há poucos dias e, conforme o boletim de ocorrência, marcou um encontro com ela no centro de Cuiabá. Depois de buscá-la por volta das 22 horas da sexta-feira (14), em um Golf de cor branca, ele aceitou o convite da jovem para ir namorar no “mirantinho” do Centro de Eventos do Pantanal.

Porém, ao chegar ao local, os dois foram surpreendidos por um homem armado. A princípio, a jovem fingiu não conhecer o suspeito e a vítima acreditou.

O suspeito andou com o casal por cerca de 15 minutos, até chegar em um local abandonado, onde a vítima foi colocada no porta-malas do carro. Depois, o criminoso andou até uma fazenda na rodovia MT-402, amarrou o homem pelos pés e pelas mãos e o abandonou no local, em meio a um matagal.

Durante o trajeto, segundo o relato da vítima, o suspeito, de 25 anos, ameaçava o dono do carro o tempo todo, dizendo que iria matá-lo. Depois de algum tempo sozinho, ele conseguiu desamarrar os pés e pediu ajuda ao caseiro da fazenda.

Quando ligou para a polícia via 190, o homem ainda acreditava que a jovem era vítima, então afirmou que ela havia sido sequestrada. Porém, quando os policiais encontraram o carro, no Bairro Jardim Imperial, em Várzea Grande (região metropolitana de Cuiabá), a jovem estava tranquila, na companhia do suspeito e de mais dois homens.

A princípio, todos negaram o crime. Porém, os pertences da vítima foram encontrados no veículo e o homem que praticou o roubo e sequestro acabou confessando e entregando que foi ele que convidou a jovem de 19 anos para atrair a vítima até o Centro de Eventos do Pantanal.

Ao ver a foto dos suspeitos, a vítima reconheceu os dois. Com isso, todos, inclusive os outros dois ocupantes do carro, de 18 e 21 anos, foram presos e encaminhados para a delegacia, acusados de roubo, formação de quadrilha ou bando, tortura mediante sequestro, direção perigosa de veículo na via pública e cárcere privado.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorTorres de energia são “sabotadas” e Norte de MT pode ficar sem energia
Próximo artigoCineasta Franco Zeffirelli morre aos 96 anos