Atletas cuiabanos podem reverter km em dólares para salvar oceanos

Vários atletas cuiabanos já utilizam o aplicativo para gestão de seu treinamento

Com as novidades de softwares voltados à saúde disponíveis no mercado, o celular pode deixar de ser um dos vilões do sedentarismo. Essa é a proposta do aplicativo da Adidas, Runtastic, que além de ajudar atletas iniciantes ou profissionais no planejamento dos treinamentos, também transforma o corredor em um ativista ambiental.

Vários atletas cuiabanos já utilizam o aplicativo para gestão de seu treinamento. Nas rotas destacadas pelo app, figuram trajetos pelos Parques Mãe Bonifácia, Tia Nair, Massairo Okamura, UFMT e outros circuitos mais desafiadores, como as Corrida de Reis, Ultramacho e trilhas por cachoeiras.

Não importa se é iniciante, se está se preparando para maratonas, se quer modelar o corpo para o verão ou só queimar calorias extras. Correndo com o aplicativo, desde este sábado (8), a cada km percorrido, 1 dólar vai para a Parley Ocean School, projeto criado para ensinar as novas gerações a preservar os oceanos.

Os dados são alarmantes: em 2050, haverá mais plástico nos mares do que peixes. Cada corrida registrada no aplicativo, entre os dias 8 e 16 de junho, contará km para salvar os oceanos.

Assim como no ano passado, em que cerca de 1 milhão de corredores ao redor do mundo usaram o poder do esporte para conscientizar sobre o problema da poluição marinha através do plástico, o movimento Run For The Oceans (em português “corra em prol dos oceanos”) começa no Dia Mundial dos Oceanos, 8 de Junho. Ou seja, arrecadaram 1 milhão de dólares para a iniciativa da Parley Ocean.

Alguns dos atletas mais importantes e conhecidos mundialmente correram no Run For The Oceans 2018, dentre os quais destacam-se os nomes de Ricardo Kaká, Marc-André ter Stegen, Ian Thorpe, Jessica Ennis-Hill e muitos outros embaixadores. Ao baixar o aplicativo e se engajar no período, qualquer pessoa, em qualquer lugar do mundo, pode participar e fazer a diferença.

O que foi feito com 1 milhão de dólares?

De acordo com a Adidas, o dinheiro foi investido no desenvolvimento de um projeto educacional para jovens em cooperação com a Parley for the Oceans. Sendo assim, foi concretizado financiamento da Parley Ocean School nas Maldivas e o estabelecimento de 217 escolas como centros locais para combater a poluição plástica marinha.

Além disso, foram realizadas experiências de imersão marinha (ocean immersion experiences) para 100 mil jovens e seus pais. A maioria nunca tinha nadado ou mergulhado com um snorkel antes. A inspiração e empoderamento dos jovens tem como objetivo incluí-los no movimento de preservação dos oceanos.

A Parley for the Oceans é uma organização ambiental e rede de colaboração global fundada em 2012.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorHomem arremessa panela na esposa e acerta o filho na cabeça
Próximo artigoVídeo: cliente fã de shopping nas redes sociais ganha surpresa inesquecível

O LIVRE ADS