Artistas cuiabanos fazem vaquinha online para viabilizar exposição

Dinheiro arrecado vai ser empregado na impressão e moldura de 20 peças: retratos de autoria do Rodolfo, ilustrados por André

Retrato de autoria do Rodolfo, ilustrado pelo André / Arquivo Pessoal

Dois notáveis artistas de Cuiabá iniciaram uma “vaquinha” online para viabilizar um projeto em conjunto. Sem contar com incentivo público, o artista plástico André Gorayeb e o fotógrafo Rodolfo Luiz apostam no apelo popular, pedindo apoio dos entusiastas das artes para materializar uma exposição das obras produzidas em parceria, orçada em R$ 2 mil.

A vontade dos dois é de usar a ilustração para enaltecer a cultura negra, lhe dando o devido reconhecimento e a homenageando. O dinheiro arrecado vai ser empregado na impressão e moldura de 20 peças: retratos de autoria do Rodolfo, ilustrados por André.

As ilustrações serão produzidas em fine art, técnica de impressão em papel algodão. Rodolfo conta que essa colaboração surgiu de forma inesperada.

“Em 2017 eu comecei a gostar de fazer impressões em fine art. Fui imprimir no meu amigo e a impressão saiu pela metade. Levei pra casa, mas não sabia o que fazer e esse meu amigo disse ‘porque você não fala com o Gora, pra ele ilustrar? Acho que ficaria legal’”.

Na época, os dois ainda não eram tão próximos, mas Rodolfo resolveu ir com a cara e a coragem perguntar à Gorayeb se ele topava terminar a fotografia, ilustrando-a. O fotógrafo achou o resultado do experimento tão bom, que sugeriu que fizessem mais vezes.

E foi assim que a arte os aproximou. Dessa amizade, surgiu a vontade de montar uma exposição conjunta. O local ainda não foi definido, esperam conseguir através de parceria. Eles planejam fazer intervenções no dia da exibição, utilizando o recurso do lambe lambe, por exemplo.

No final do texto de apresentação, eles justificam a relevância do projeto. “O negro sempre foi associado somente ao seu trabalho artístico braçal e artesanal, nunca por trabalhos considerados sofisticados ou de complexidade intelectual. Esse é o motivo que faz necessária a reivindicação do espaço do negro na arte”.

Para contribuir com a exposição de Rodolfo Luiz e André Gorayeb, basta clicar neste link e doar o valor desejado. O prazo para o fim das arrecadações é de 22 dias.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorTJ libera R$ 13 milhões para Vale ressarcir gastos do governo mineiro
Próximo artigoTempestade deixa três mortos na capital do Rio de Janeiro