Após decreto de Bolsonaro, PRF suspende uso de radares em rodovias

Após a publicação, a PRF determinou que todas as superintendências recolham os radares móveis

(Foto: Divulgação)

A Polícia Rodoviária Federal em Mato Grosso (PRF-MT) suspendeu a fiscalização de velocidade por radares nas rodovias federais que cortam o Estado. A medida foi determinada pela direção-geral, em Brasília (DF), após decreto do presidente Jair Bolsonaro (PSL).

A decisão de Bolsonaro foi publicada no Diário Oficial da União desta quinta-feira (15). Conforme o texto, a medida suspende “o uso de equipamentos medidores de velocidade estáticos, móveis e portáteis”.

Após a publicação, a PRF determinou que todas as superintendências recolham os radares móveis e suspendam o funcionamento dos radares estáticos.

A medida é válida até que o Ministério da Infraestrutura reavalie a regulamentação dos procedimentos de fiscalização eletrônica de velocidade em vias públicas, segundo o decreto. Para o decreto, a justificativa do presidente é “evitar o desvirtuamento do caráter pedagógico e a utilização meramente arrecadatória dos instrumentos e equipamentos medidores de velocidade”.

Na mesma decisão, a PRF também determinou a revogação de atos administrativos internos relacionados à fiscalização eletrônica de velocidade nas vias federais.

(Com assessoria)

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorAdvogados criminalistas afirmam que perderam contato com clientes da PCE
Próximo artigoArte e história se misturam em exposição realizada em MT