Apesar de ressalvas, TRE autoriza que ação de caixa 2 contra Selma seja compartilhada

Compartilhamento de provas contra Selma vai auxiliar processo de prestação de contas

(Foto:Ednilson Aguiar/ O Livre)

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) autorizou, com ressalva, o compartilhamento de provas da ação contra a senadora eleita Selma Arruda (PSL), que apura suposto excesso de gastos em campanha eleitoral com os autos da prestação de contas dela.

A decisão, do desembargador Pedro Sakamato, atende ao pedido do juiz Ulisses Rabaneda, relator da prestação de contas, ao citar a necessidade de analisar as provas que são de outra ação. Isso porque se questiona a regularidade ou não da arrecadação e gastos financeiros efetuados pela chapa encabeçada por Selma, ao contratar a agência de publicidade Genius.

O compartilhamento de provas da ação por excesso de gastos contra Selma vai auxiliar processo de prestação de contas. O desembargador concordou em compartilhar as informações, mas fez um alerta.

“Ressalto que o feito tramita em sigilo os dados bancários dos representados Selma Rosane Santos Arruda e Gilberto Eglair Possamai, de maneira que reputo que igual providência deverá ser adorada na prestação de contas destinatária das provas, impondo-se a todos que nele oficiarem, o dever de zelar pelo sigilo das informações disponíveis”, conforme trecho da decisão de Sakamato.

Selma Arruda e seus suplentes respondem a uma ação no TRE por conta da contratação da Agência Genius no valor de R$ 1,16 milhão. A acusação é de uma suposta prática de caixa 2 e abuso de poder econômico durante a pré-campanha.

O publicitário Junior Brasa processou a então candidata para receber o dinheiro. O valor cobrado pelo ex-marqueteiro é referente a R$ 534 mil em serviços prestados e não pagos e R$ 625 mil de multa.

Brasa acionou também os suplentes da chapa de Selma, Gilberto Eglair Possamai e Cléire Fabiana Mendes.

Em entrevista coletiva, Selma negou ter feito caixa dois e disse que os gastos realizados foram para sua preparação pessoal. Ela afirmou que as acusações são uma armação política.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorDefensoria pede para Prefeitura cancelar edital para contratar empresa de coleta seletiva
Próximo artigoSupremo autoriza leilão de distribuidora da Eletrobrás em Alagoas

O LIVRE ADS