Alta velocidade e avançar sinal vermelho representam mais de 60% das multas aplicadas em Cuiabá

Os dois tipos de infração somaram 192 mil multas ao longo do ano

(Foto: Tony Ribeiro)

Mais de 65% das multas aplicadas aos condutores de Cuiabá são relacionadas a trafegar em velocidade superior ao permitido e avanço no semáforo vermelho. Juntas, as duas infrações somam 192 mil multas, frente às 307 mil registradas entre janeiro e dezembro. Os dados são de um levantamento feito pela Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob), a pedido do LIVRE.

Distribuídas, as multas são referentes a trânsito em velocidade superior ao permitido (139 mil), avanço semafórico (53 mil), estacionamento em local proibido (11 mil), estacionamento em calçada (5,7 mil), falta do uso de segurança (6 mil), falar no celular durante o trânsito (5,7 mil), além da não identificação do condutor (18,5 mil).

Segundo a Semob, os dados apresentam redução de 20% das infrações em relação ao ano passado, quando foram registradas 387 mil irregularidades. Entre as justificativas atribuídas estão o videomonitoramento nas vias de Cuiabá, e blitz educativas.

Principais avenidas

De acordo com os dados da Semob, as avenidas mais perigosas são a Fernando Corrêa da Costa, que liga a região Sul ao Centro, onde circulam 45 mil veículos por dia, e a Miguel Sutil, que corta a cidade em direção a Várzea Grande e tem o fluxo de 38 mil veículos por dia. Como consequência, são as avenidas onde se registram os maiores números de infrações.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

O LIVRE ADS