Allan Kardec vê manobra de Valtenir para manter controle do PSB e recorre à direção nacional

O deputado estadual Allan Kardec (ex-PT) vê na reação do PSB uma tentativa de o atual presidente do partido em Mato Grosso, o deputado federal Valtenir Pereira, de manter o controle sobre a sigla mesmo que se desfilie e migre para o PMDB. Ele informou que mantém a decisão de se filiar ao PSB, mesmo com a nota de rejeição divulgada nesta terça-feira (20) pelo secretário-geral do partido em Mato Grosso, Milton Simplício.

Kardec deve se reunir com o presidente nacional do partido, Carlos Siqueira, na quarta-feira (21), em Brasília, para tratar da situação. “Ainda pretendo me filiar, mas com garantias”, disse Kardec ao LIVRE.

“Vou falar com o Siqueira amanhã e espero encontrar Valtenir e tratar com ele olho no olho. Ainda estou tentando entender essa reação, essa nota agressiva e totalmente enviesada. Eu fui convidado a me filiar ao PSB pelo próprio Valtenir, e só depois iniciei as tratativas com a direção nacional. Além disso, tenho dialogado com as bases do PSB também”, completou.

O ex-petista disse que ouviu comentários nos bastidores de que Valtenir estaria tentando comandar o PSB mesmo que deixe a sigla. “Espero que não seja uma tentativa do Valtenir de manter o controle sobre o PSB, que até hoje só foi uma legenda de aluguel aqui em Mato Grosso. Eu me identifico com as bandeiras nacionais do partido, como a luta contra a reforma da previdência, e quero trabalhar nessa frente democrática popular” declarou Kardec.

Em nota assinada pelo secretário-geral do PSB em Mato Grosso, Milton Simplício, a direção do partido acusou Kardec de desrespeitar a executiva, agindo “com arrogância e desdém” ao tratar da filiação com a direção nacional do partido, pois os 18 pré-candidatos a deputado estadual da sigla rejeitaram sua filiação. Ele ainda afirmou que Kardec faz “parte de uma ala petista radical que protagonizou diversas brigas internas dentro do PT, acabando com o Partido no estado”.

Depois de passar quatro anos em outros partidos, Valtenir retornou ao PSB em junho de 2017 e no mesmo dia assumiu a presidência, em uma canetada do presidente nacional do partido, Carlos Siqueira, que destituiu a executiva anteriormente presidida pelo deputado federal Fabio Garcia (hoje no DEM). Segundo a nota de Simplício, em setembro houve uma eleição do diretório que manteve Valtenir na presidência da sigla.

Atualmente, o PSB tem quatro deputados estaduais, que são pré-candidatos à reeleição: Mauro Savi, Oscar Bezerra, Max Russi e Eduardo Botelho, todos insatisfeitos com o retorno de Valtenir à presidência da sigla e a destituição da executiva anterior, da qual faziam parte. Botelho já acertou filiação ao DEM, enquanto Russi e Bezerra ainda buscam um novo partido. Savi avalia ficar na sigla se Valtenir se desfiliar e retornar ao PMDB.

Allan Kardec emitiu nota rebatendo o diretório do PSB. Leia na íntegra:

Nota à imprensa

Diante das últimas notícias tratando de um suposto veto do Diretório do PSB de Mato Grosso a minha filiação partidária, venho a público ressaltar que:

– Recebo com surpresa tal posicionamento;

– Consultei filiados, pré-candidatos a deputado pelo PSB e membros do Diretório Estadual e eles foram categóricos ao afirmar que não houve nenhuma reunião oficial para tratar de tal assunto;

– Tal nota é um posicionamento isolado do grupo do deputado federal Valtenir Pereira, que não quer o crescimento do partido, mas sim controlar a legenda diante da possibilidade anunciada por ele mesmo de desfiliar-se mais uma vez;

– Não procede a informação de que busquei minha filiação apenas no Diretório Nacional, pois mantive conversas nos últimos meses inclusive com o próprio Valtenir, que sempre demonstrou interesse na minha filiação;

– Por fim, friso que continuarei mantendo as conversações com a direção nacional e demais filiados de Mato Grosso na tentativa de discutir minha filiação, pois minha militância política sempre foi marcada pela coerência e construção coletiva.

Professor e Deputado Allan Kardec

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorJustiça interdita casa de Shows em Confresa a pedido do MP
Próximo artigoTrês são detidos por associação criminosa e roubos a veículos na Capital