Akira é banido da Rússia para “proteger as crianças”

Mais um para a coleção de animes banidos no país

O governo russo segue a jornada de banir animes, animações japonesas, para proteger o público infanto juvenil de qualquer “deturpação” educacional. A obra da vez agora foi o filme Akira, uma das produções mais elogiadas do cinema japonês.

O tribunal de São Petersburgo alegou que o clássico filme de 1988 pode “prejudicar a saúde e o desenvolvimento mental das crianças”. Outras obras como Tokyo Ghoul, Death Note e KonoSuba foram banidas sob a mesma justificativa.

Além dos mencionados acima, outros que já foram banidos Rússia são: Elfen Lied, Interspecies Reviewers, Inuyashiki, Naruto, Nekopara, Princess Lover, That Time I Got Reincarnated As A Slime e Zombieland Saga.

A história de Akira se passa em um mundo distópico após o fim da Terceira Guerra Mundial. Um líder de gangue conhecido como Kaneda se vê envolvido em uma operação maciça do governo quando seu melhor amigo começa a exibir poderes telecinéticos.

Atualmente, uma adaptação live action da obra é produzida em Hollywood com previsão para estrear em 2022.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorPF deflagra operação em repressão a garimpos e desmatamentos ilegais em MT
Próximo artigoVídeo | Pescadores encontram peixes mortos no Manso