Agentes encontram drogas e celular enterrados em pátio de presídio

A substância análoga a maconha foi encontrada dividida em onze porções

Agentes prisionais do presidio Osvaldo Florentino Leite, o “Ferrugem”, em Sinop (500 km de Cuiabá), encontraram no final da tarde dessa segunda-feira (24), durante o encerramento do banho de sol no Raio Azul, um buraco no chão contendo onze porções de substancia análoga a maconha.

A droga estava embalada em sacos plásticos. Além da droga, no mesmo esconderijo foram encontrados um celular com bateria e um chip.

De acordo com o Boletim de Ocorrência, os detentos informaram aos agentes que a droga e o celular seriam de “uso coletivo”.

“No momento da ‘tranca’, já na saída do banho de sol, foi encontrado o buraco com o material. Mesmo com os questionamentos, nenhum detento assumiu a propriedade dos objetos encontrados”, diz trecho do documento.

Há menos de dez dias também foram encontrados cerca de 10 quilos de maconha em cinco celas da unidade. Até o momento ainda não se sabe como a droga chegou até o interior da unidade.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorMajor acusado de estuprar as enteadas é expulso da Polícia Militar
Próximo artigoEx-prefeito bate em carro parado e é preso, acusado de dirigir embriagado